Marketing Farmacêutico – Atenção às leis e Dicas Práticas

Marketing Farmacêutico – Atenção às leis e Dicas Práticas

Como estão as vendas do seu estabelecimento? Tem sofrido com a crise?

Além de crise, a forte concorrência tem deixado muitos negócios pelo caminho, incluindo o setor de farmácias e drogarias.

O Marketing Farmacêutico é grande parte da solução para fugir da vala comum, e prosperar nos próximos anos.

Neste artigo, focaremos em aprender a criar estratégias para atrair mais clientes para a farmácia e aumentar as vendas. Os cuidados e recomendações da Anvisa que você deve ter para fazer marketing farmacêutico também serão abordados.

Por que e como investir em marketing farmacêutico?

Pense comigo…

A partir do momento que você já tem:

  • Uma farmácia com boa fachada e PDV organizado;
  • Um excelente atendimento;
  • Preços competitivos.

O que mais você pode fazer para aumentar seus resultados? Será que para por aí?

Eu te respondo: É AÍ QUE COMEÇA!

A partir do momento que você já tem o básico (e isto é o básico do básico mesmo), que foram os 3 pontos listados anteriormente, é hora de chamar a atenção do cliente!

Mesmo que seu atendimento seja ótimo, seus preços sejam ok e sua loja esteja bonita, as pessoas (sobretudo aquelas que não moram perto da sua farmácia) não possuem bola de cristal! É preciso chegar até estas pessoas. Mais do que ser competitivo, é preciso PARECER COMPETITIVO ao cliente.

Vamos aprofundar?

Como chamar atenção do cliente com marketing farmacêutico

Antes de ir para a parte estratégica, é importante estar ciente de que este nicho tem algumas limitações quanto à publicidade e propaganda, por conta das leis.

Cuidados básicos com a lei para o marketing farmacêutico

  • Só veicule campanhas de marketing com ilustrações visuais (tabloide, mídias sociais, etc) de medicamentos OTC (ou MIPs). São os medicamentos isentos de prescrição, e você pode baixar a lista completa deles neste outro artigo.
  • Siga todas as regras de publicidade do governo para divulgar o programa Aqui Tem Farmácia Popular. 
  • Siga todas regras da RDC 44-09 para fazer tele-entrega e também delivery online. Para o último caso, utilize uma Plataforma de Delivery Online que siga todas os critérios legais.

Mas não para por aí. Como a lei brasileira para regulação de publicidade e propaganda de farmácias e drogarias é complexa, escrevemos um artigo completo chamado “Propaganda de Farmácia: Legislação e Dicas”. Não deixe de ler.

Iniciando o marketing farmacêutico

Tendo em mente todos os cuidados legais, é hora de colocar a mão na massa.

E por onde começar o marketing da sua farmácia??

Mesmo que você venha a contratar uma agência de marketing, será necessário conhecer conceitos básicos, para não depender exclusivamente de terceiros, e até para escolher qual agência contratar (caso julgue necessário) e saber cobrar resultados.

Para te auxiliar nestes estudos, escrevemos um livro digital gratuito chamado “Guia de Marketing para Pequenas e Médias Farmácias”:

Guia de Marketing para Pequenas e Médias Farmácias

Atrair, agregar e fidelizar com o marketing farmacêutico

Iremos neste artigo dividir o conjunto de dicas de marketing farmacêutico nestes 3 tópicos:

  1. Atrair: Significa conquistar novos clientes;
  2. Agregar: Significa agregar mais vendas aos clientes já existentes. Ou seja, aumentar o ticket médio;
  3. Fidelizar: Significa conquistar recorrência, fazer com que os clientes voltem a comprar na sua farmácia, e não no concorrente.

Dicas para atrair mais clientes com marketing farmacêutico

Como atrair clientes com marketing farmacêutico

Além do fato que já citamos, de que você precisa ter um PDV atraente, moderno e atrativo, iremos ir além aqui.

Como está a frequência das suas campanhas de marketing?

Quando costumeiramente perguntamos quais foram as últimas ações de marketing de farmácias, na maior parte dos casos percebemos uma falta de frequência nestas ações.

Para marketing, tanto marketing tradicional como digital, é preciso ter regularidade nas campanhas. Não adianta investir em uma impressão de tabloide durante 2 meses, e passar o resto do ano sem fazer.

Não adianta investir em  outdoor por 30 dias uma única vez e achar que isso fará milagre.

Não adianta fazer 3 postagens no facebook e no instagram  uma semana, e na próxima semana não fazer nada.

Tenha Constância! Tenha Frequência!

O marketing digital farmacêutico só traz resultados no médio-longo prazo com uma séria de ações e campanhas sucessivas. Cada vez fazendo melhor, coletando feedback e indo a um próximo nível.

O que te fará atrair maior volume de clientes é um trabalho paralelo ( e lembre-se: CONSTANTE) entre marketing tradicional/offiline (panfletagem, rádio, outdoor, etc.) e marketing digital (redes sociais, Google, etc.).

Algo que poucas farmácias se ligaram, é no poder do Google! O Google pode aumentar em até 56% suas vendas e clientes por meio de tráfego orgânico! Aprenda a se destacar no Google lendo este outro artigo sobre a técnica de ‘SEO Local’ para farmácias.

Se precisar de ajuda na hora de aplicar as dicas acima, nós da MyPharma oferecemos uma consultoria gratuita por telefone. A ideia desta consultoria, que dura em média uma hora, é entender seu contexto e te auxiliar de forma prática a tirar as ideias do papel:

Consultoria em marketing farmacêutico

Dicas para agregar mais vendas com marketing farmacêutico

Como agregar vendas com marketing farmacêutico

Conforme explicamos, agregar vendas tem o sentido de conseguirmos aumentar o valor médio de compra dos seus clientes. Fazer com que os clientes gastem mais a cada compra.

Dica 01 – faça vendas cruzadas

Ao invés de somente falar o famoso “E o que mais?” ao cliente para que ele finalize sua compra (seja no balcão ou no delivery), seja pró-ativo, seja um consultor de vendas.

Afinal, venda cruzada significa oferecer ao cliente produtos que se complementem ao produto requisitado  pelo cliente. O cliente precisa sentir que saiu beneficiado em sua compra, e não que foi ludibriado a gastar mais.

Por exemplo: Uma cliente deseja comprar uma alicate de unhas, então o papel do consultor de vendas poderá ser de mostrar a nova linha de esmaltes e água oxigenada que chegaram na farmácia, por exemplo. Lembre-se, de forma pró-ativa!

A abordagem nunca deve deve ser em de desinteresse ou pergunta, como “deseja ver nossa nova linha de esmaltes”, mas sim, mas sim em tom empolgado e conduzindo o cliente, para algo como “Deixa eu te mostrar nossa nova linha de esmaltes, você vai adorar!”

Isso obviamente passa pelo treinamento dos seus funcionários, de entender produtos quais produtos são “cruzáveis” e quanto à abordagem com o cliente.

O mesmo vale para canais de venda como WhatsApp, telefone e delivery online por meio de um site. No último caso, fica muito mais fácil prever as vendas casadas por meio de pré-recomendações e tecnologia. A Plataforma de Delivery Online para Farmácias da MyPharma já prevê esta inteligência de cruzamento entre itens, fazendo o cliente gastar mais.

Dica 02 –  Ofereça recompensas

Outro fator que faz o cliente gastar mais, é receber recompensas.

Já pensou em criar um sistema de pontos para seus clientes? De forma que quanto mais gaste, mais pontos o cliente acumula para receber benefícios, como um brinde, um vale para trocar por produtos na loja, etc.

Outra recompensa pode ser o desconto progressivo. Que tal oferecer um maior desconto ao seu cliente conforme ele atinge uma camada maior no valor da compra? Por exemplo: Se o cliente levar 1 caixa de determinado medicamento, o desconto é de 10%. Porém, se levar 4 caixas, o desconto é de 15%.

Pro delivery, já pensou em eliminar a taxa de entrega para valores maiores em compra?

Este tipo de recompensa costuma funcionar bem, e o cliente fica satisfeito.

Dica 04 – Checkout da farmácia

Checkout é o local onde o cliente finaliza sua compra e sai da loja, onde faz o pagamento.

A disposição destes itens neste espaço são chave para criar aquela última compra de impulso. Fazer o cliente levar mais uma “coisinha”

Do local onde você coloca o checkout na loja também é importante.

Em nosso artigo “6 dicas de Como Agregar Vendas em Farmácia”, explicamos em detalhes esta questão do checkout, e outros pontos que aumentarão o valor médio de compra dos seus clientes.

Dicas para fidelizar clientes com com marketing farmacêutico

Como fidelizar clientes com marketing farmacêutico

A dica demos anteriormente, de que criar um sistema de pontos estimula o aumento do ticket médio, também serve para fidelização. O cliente pensará em comprar novamente em sua farmácia se souber que tem um estímulo em acumular pontos que o trarão benefícios.

Fora isso, ter um excelente atendimento, personalizado e humanizado faz toda diferença

Chamar seus clientes pelo nome, ligar/enviar Whatsapp/email aos clientes também faz sentido. Avise-os de promoções de produtos que fazem sentido para eles, etc.

Monte uma lista vip dos seus melhores clientes, e faça este marketing de relacionamento.

Vídeo: Bate papo sobre marketing para farmácias e drogarias

Conclusão

Aprenda o básico sobre marketing farmacêutico.

Após isto, aplique o aprendizado, com contante evolução. Fique ligado aos feedbacks e aos indicadores. Sempre melhorando, a cada campanha, a cada divulgação

“Quem caminha sozinho, pode até chegar mais rápido, mas aquele que vai acompanhado, com certeza vai mais longe”, já dizia Clarice Lispector. Então, saiba contratar boas ferramentas e bons prestadores de serviço para te ajudar nesta caminhada.

Veja também: 6 Ideias de Como Aumentar Vendas em Farmácia.

FECHAR