Atenção farmacêutica: o que é, como implantá-la e quais suas vantagens

A atenção farmacêutica começou a ganhar forma na década de 1960, quando farmacêuticos se indignaram com os rumos da atividade após a Segunda Guerra Mundial. 

Antes do surgimento da indústria farmacêutica, o boticário era quem preparava produtos medicinais, comercializava-os e promovia atenção farmacêutica aos pacientes. 

Entretanto, com a Segunda Revolução Industrial, veio a indústria farmacêutica e a fabricação em massa de penicilina e outros medicamentos. 

Assim, os boticários se tornaram meros dispensadores de medicamentos previamente fabricados, distanciando-se do trabalho que faziam com equipes de saúde e pacientes.

Então, na década de 1960, um movimento profissional começou a questionar sua formação e atuação, e a pensar em como resolver os problemas que estavam detectando.

Com isso, surgiu a farmácia clínica. 

Hoje, mostraremos como a atenção farmacêutica pode ser usada para melhorar a experiência dos seus clientes e aumentar o seu faturamento.

Acompanhe a leitura e saiba também como implantar esse serviço no seu estabelecimento!

O que é atenção farmacêutica?

Atenção farmacêutica é a prática de ações, valores éticos, comportamentos, compromissos, habilidade e corresponsabilidade da equipe de saúde para prevenir doenças e promover a saúde

Assim, ela pode ser aplicada tanto por farmacêuticos quanto por outros profissionais da saúde que atuam a nível pessoal e coletivo.

Desenvolvida no contexto da assistência farmacêutica, a atenção farmacêutica é regulamentada pela ANVISA e preconizada pela RDC 44/09, de 17 de agosto de 2009.

Quando começou a ganhar força no Brasil, na década de 1980, ocorria somente dentro de hospitais, mas atualmente faz parte da atuação diária das farmácias.

Conforme definição do Consenso Brasileiro de Atenção Farmacêutica, a atenção farmacêutica envolve a interação direta entre farmacêutico e usuários.

E nesse contexto, visa a farmacoterapia racional para a obtenção de resultados previamente definidos e mensuráveis com o objetivo de melhorar a qualidade de vida.

A seguir, você compreende melhor o conceito a partir da diferença entre assistência e atenção farmacêutica.

 

Assistência farmacêutica ou atenção farmacêutica?

Embora a atenção farmacêutica faça parte do conjunto de práticas da  assistência farmacêutica, quem pratica a assistência nem sempre pratica a atenção.

Conforme definição da Política Nacional de Medicamentos, a assistência farmacêutica envolve atividades relacionadas ao medicamento, destinadas a apoiar ações de saúde demandadas por uma comunidade.

Assim, tem um foco maior no medicamento, enquanto a atenção farmacêutica se volta ao consumidor, englobando os momentos de selecionar e dispensar medicamentos.

Confira a explicação dos conceitos pelo Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ) no vídeo que integra a série “Atenção farmacêutica em um minuto”:

.

Atenção farmacêutica na prática

A atenção farmacêutica não visa apenas farmácias de manipulação, mas também drogarias, que assim podem promover ações para criar vínculos mais fortes com seus clientes.

Através da atenção farmacêutica, seus clientes desenvolvem um relacionamento mais próximo e de confiança com seu farmacêutico(a).

Afinal, ele(a) passará a realizar o acompanhamento farmacoterápico e a indicar a complementação da medicação, ou ainda, a intervir no tratamento quando necessário.

Entre todas as atuações possíveis do farmacêutico que pratica a atenção farmacêutica, temos:

  • orientação sobre o uso de medicamentos prescritos ou não por um médico
  • avaliação dos medicamentos que o(a) paciente faz uso, além de dosagem, horários, e possíveis interações medicamentosas
  • comunicação com outros profissionais da saúde para discussão do tratamento
  • encaminhamento do(a) paciente para outros profissionais
  • acompanhamento da evolução de sintomas e doenças
  • solicitação de exames laboratoriais
  • prescrição de medicamentos isentos de prescrição médica
  • registro de histórico no prontuário do paciente
  • aferição de temperatura, pressão arterial e índice glicêmico
 
Senhora aferindo a pressão arterial em um serviço de atenção farmacêutica
 

Para desenvolver essa prática, é possível montar um consultório farmacêutico em seu estabelecimento e assim atrair mais clientes para o seu negócio!

Mas além disso, há também a possibilidade de que o atendimento seja feito na própria casa do cliente.

   

Curso para atenção farmacêutica

Com todas essas possíveis atuações, talvez você se pergunte se é preciso que seu farmacêutico(a) tenha algum curso específico para praticar a atenção farmacêutica. 

E a resposta é: não necessariamente!

Porém, vale destacar que apenas farmacêuticos podem atuar nessa função, ou seja, seus atendentes ou balconistas de farmácia não podem substituí-los de forma alguma.

E ainda que a graduação em farmácia seja suficiente para atuar na avaliação e prescrição de medicamentos (MIP/OTC), existem cursos para especializar-se na prática.

Exemplo disso é a pós-graduação em Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica do IPOG, totalmente voltada para esse tipo de atividade.

No entanto, ainda que o(a) farmacêutico(a) não tenha uma especialização na área, basta que ele(a) busque aperfeiçoar-se constantemente em:

  • farmacologia
  • farmácia clínica
  • interpretação de exames laboratoriais
  • e terapias não-medicamentosas

Já as características necessárias a esse(a) profissional são:

  • comunicação adequada para o ambiente farmacêutico/médico
  • excelente monitorização dos pacientes
  • e busca constante por atualização dos conhecimentos farmacológicos

Vale ressaltar que “adequar-se ao ambiente farmacêutico/médico” não abre prerrogativa para que o profissional realize atendimentos exclusivos à categoria médica

Entre as atribuições PROIBIDAS à atenção farmacêutica estão: prescrever medicamentos que precisam de prescrição médica e alterar os medicamentos prescritos por profissionais da categoria.

Se o(a) farmacêutico(a) achar necessário fazer alterações, deve procurar o(a) médico(a) que prescreveu o medicamento para discutir o tratamento!

   

Como montar um consultório de atenção farmacêutica na sua farmácia ou drogaria?

Um consultório de atenção farmacêutica pode ser implantado em 2 etapas no seu estabelecimento. 

Mas antes de conhecer essas etapas, vamos ver do que você precisa para implantar o serviço:

  • autorização da vigilância sanitária
  • elaborar protocolos e formas de documentar a atividade
  • procedimento operacional padrão (POP)
  • registrar as seguintes informações: do paciente, do profissional responsável, das orientações e intervenções farmacêuticas, e dos resultados
  • os pacientes devem saber que o serviço não representa uma consulta médica e, tampouco, tem tal finalidade
  • os encaminhamentos a outros profissionais de saúde devem ser feitos com cópia dos registros da atenção farmacêutica

No POP do serviço, não podem faltar as seguintes etapas:

  • escuta ao paciente
  • identificação de suas necessidades
  • análise de sua situação
  • tomada de decisões
  • definição de condutas
  • documentação dos procedimentos realizados na atenção
  • e avaliação dos resultados.

Agora que você já sabe o que é preciso para implantar o serviço de atenção farmacêutica, vejamos como fazê-lo em sua farmácia ou drogaria.

 

Etapa 1: planejamento 

O planejamento da atenção farmacêutica deve considerar:

  • a definição do(a) farmacêutico(a) responsável, datas e horários de atendimento
  • a elaboração do procedimento operacional padrão
  • e a definição da infraestrutura

Nesse último ponto, podemos fazer algumas considerações sobre o que é uma boa infraestrutura para a atenção farmacêutica na farmácia:

A mesa deve ser, preferencialmente, redonda, o que melhora a interação entre o(a) profissional e os pacientes.

Já o local precisa proporcionar conforto e deve ser isolado para que outros colaboradores e pacientes não consigam escutar o que se discute na atenção.

 

Etapa 2: execução

Na hora de selecionar pacientes, é necessário considerar os seguintes aspectos:

  • se a atenção será cobrada e, em caso afirmativo, qual o valor da consulta
  • oferecer a atenção apenas a pacientes que realmente precisem
  • explicar-lhes o que é a atenção farmacêutica e quais seus benefícios

Após selecionar um paciente para o serviço, o farmacêutico responsável pela atenção deve estudar o caso e avaliar seu tratamento. 

A intervenção só deve ser feita se necessária, considerando-se sempre as atribuições médicas que não podem ser executadas na atenção farmacêutica.

Além disso, o(a) farmacêutico(a) responsável deve fazer o acompanhamento futuro do tratamento proposto e intervir novamente sempre que necessário.

   

Vantagens da atenção farmacêutica

As principais vantagens de promover a atenção farmacêutica no seu estabelecimento são:

  • reconhecimento da sua marca como um estabelecimento de saúde
  • aumento de confiança do seu cliente na sua marca
  • maior conhecimento sobre seus clientes
  • promoção do seu faturamento
  • maior procura pelo seu estabelecimento e crescimento do número de clientes
  • maior retenção e fidelização de clientes

Vale ressaltar ainda que ofertar a atenção farmacêutica domiciliar a clientes com dificuldades em se locomover é uma ótima estratégia para fidelizá-los à sua marca!

 

Benefícios para o seu cliente

Entre os benefícios ofertados aos clientes pela promoção da atenção farmacêutica, com potencial para aproximá-los cada vez mais de sua marca, estão:

  • facilidade no acesso e comunicação com profissionais de saúde
  • esclarecimento de dúvidas
  • orientações sobre o uso correto de medicamentos
  • acompanhamento contínuo do tratamento, garantindo sua maior efetividade
  • identificação e redução de problemas relacionados ao uso de medicação
  • prevenção de doenças e sintomas
  • melhora na saúde e qualidade de vida

Conheça agora a legislação sobre a prática da atenção farmacêutica, incluindo a Resolução nº. 704/21, que adiciona a vacinação contra a Covid-19 nos serviços.

   

Legislação relacionada à prática

Em 2014, a Lei 13.021 regulamentou a atenção farmacêutica para assegurar a promoção, proteção e recuperação da saúde em estabelecimentos públicos e privados.

Dessa forma, ela complementa resoluções anteriores, no objetivo de promover o acesso e o uso racional de medicamentos.

A RDC 585/2013 da Anvisa já abordava essas questões ao estabelecer as atribuições clínicas do farmacêutico, como mostra o Parágrafo Único do Artigo 2o:

“As atribuições clínicas do farmacêutico visam proporcionar cuidado ao paciente, família e comunidade, de forma a promover o uso racional de medicamentos e otimizar a farmacoterapia, com o propósito de alcançar resultados definidos que melhorem a qualidade de vida do paciente.”

Já a RDC 586/2013 inclui como atribuição clínica a prescrição de medicamentos OTC ou mesmo de medicação controlada, nas condições previstas pelo Artigo 6o

O farmacêutico poderá prescrever medicamentos cuja dispensação exija prescrição médica, desde que condicionado à existência de diagnóstico prévio e apenas quando estiver previsto em programas, protocolos, diretrizes ou normas técnicas, aprovados para uso no âmbito de instituições de saúde ou quando da formalização de acordos de colaboração com outros prescritores ou instituições de saúde.

A prática da atenção farmacêutica domiciliar estava prevista no Artigo 61o da RDC 44/2009, conforme estabelecido no Parágrafo Segundo:

A prestação de serviço de atenção farmacêutica compreende a atenção farmacêutica domiciliar, a aferição de parâmetros fisiológicos e bioquímicos e a administração de medicamentos.

   

Resolução 704/21 - Vacinação aplicada por farmacêuticos contra a Covid-19

No dia 4 de maio de 2021, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) a Resolução 704, de 30 de abril de 2021

A resolução dispõe sobre a aplicação de vacinas contra a Covid-19 por farmacêuticos qualificados durante toda a duração da pandemia do novo Coronavírus. 

Conforme ela estabelece, a atuação dos profissionais pode ocorrer em campanhas ofertadas por instituições públicas e privadas.

Assim, atende-se à solicitação da Organização Mundial da Saúde (OMS) que requer mais comprometimento com o combate à pandemia. 

Vale lembrar que a vacinação é um direito que alcança toda a população mundial e é totalmente gratuita. 

Além disso, atrair seu público para a vacinação é uma excelente maneira para iniciá-los em um relacionamento de confiança com sua farmácia ou drogaria.

Confira a seguir o texto da Resolução 704 em seu primeiro Artigo:

 

Art. 1º 

Fica autorizado ao farmacêutico inscrito no Conselho Regional de Farmácia, com habilidade em aplicação de injetáveis, em participar da campanha de vacinação contra a Covid-19, realizada por instituições públicas ou privadas.

Parágrafo Único - Durante a pandemia do novo Coronavírus, ficam suspensos, excepcionalmente, os referenciais mínimos obrigatórios exigidos no artigo 7º da Resolução/CFF nº 654/2018, para aplicação da vacina contra a Covid-19.

   

Conclusão: oferte o melhor serviço de atenção farmacêutica

Agora que você compreende a importância e o funcionamento da atenção farmacêutica, está na hora de incluir o serviço em seu atendimento na farmácia!

E para isso, além de preparar seus funcionários e a sua estrutura, você precisará de um POP (Procedimento Operacional Padrão).

Os POPs de drogaria são obrigatórios para o funcionamento de qualquer farmácia, de um modo geral, e da atenção farmacêutica em particular.

Para facilitar, a MyPharma disponibiliza para você um POP de farmácia e atenção farmacêutica elaborado com base em sua longa experiência nesses assuntos.

Para baixar nosso POP de farmácia e atenção farmacêutica, preencha o formulário abaixo e receba-o no e-mail de forma gratuita e dentro de poucos segundos!


Hey! Você gostou deste conteúdo? Então compartilhe com seus amigos. Isso nos ajuda a continuar produzindo conteúdos de qualidade que melhoram o dia a dia da sua farmácia!

Sua farmácia continuará perdendo clientes
por não ter presença online?

Assista agora uma demonstração sem compromisso.
ASSISTIR DEMONSTRAÇÃO
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram