O que faz um atendente de farmácia e como contratá-lo

O que faz um atendente de farmácia e como contratá-lo

A busca por atendente de farmácia tem aumentado a cada ano e isso reflete o crescimento do mercado farmacêutico. 

Segundo os últimos dados divulgados pelo Conselho Federal de Farmácia (CFF), até o fim de 2019 o Brasil já somava quase 89 mil farmácias e drogarias. 

Enquanto isso, a expectativa de crescimento do mercado farmacêutico para 2021 é superior a 8%, de acordo com o Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos (SINDUSFARMA). 

Frente a esses dados, espera-se que a procura por atendentes de farmácia também cresça nos próximos meses. Mas existem alguns critérios que precisam ser considerados na hora dessa contratação.

Hoje respondemos as principais questões referentes à:

  • atuação do atendente de farmácia;
  • diferença entre ele e o farmacêutico; 
  • salário, habilidades e responsabilidades do atendente de farmácia.

Acompanhe a leitura e tire suas principais dúvidas!

Atendente de farmácia x farmacêutico

Um(a) atendente de farmácia (também chamado de balconista ou auxiliar de farmácia) não tem as mesmas responsabilidades de um(a) farmacêutico(a). 

A imagem mostra uma atendente de farmácia sorrindo para a foto e fazendo o controle de estoque.

Ainda que os 2 trabalhem diretamente com o público, suas atribuições e formação necessária para a ocupação são bem diferentes. 

A formação exigida para o cargo de farmacêutico é de nível superior (Bacharelado em Farmácia), enquanto o atendente de farmácia pode ter apenas o ensino médio completo. 

Entretanto, existem cursos para a formação de atendentes de farmácia que costumam ser exigidos na hora da contratação. 

Mas vale ressaltar que esses cursos são classificados como cursos livres e não técnicos. Então, exigi-los é uma decisão a ser tomada pela empresa contratante.

Entre as atuações de um farmacêutico estão:

  • processamento de compras e controle do estoque;
  • fracionamento de medicamentos;
  • manipulação de fórmulas magistrais e oficiais;
  • intercambialidade de medicamentos;
  • elaboração, implantação e supervisão de:
  • treinamento e capacitação dos funcionários;
  • utilização, cuidados e atualização de documentos legais e ferramentas administrativas e financeiras
  • administração de medicamentos injetáveis e de inaloterapia;
  • prescrição farmacêutica;
  • farmacovigilância; 
  • supervisão do trabalho dos atendentes de farmácia; etc. 

Todas essas atribuições do(a) farmacêutico(a) não podem ser executadas pelo atendente de farmácia. Isso ocorre porque são atribuições técnico-científicas que cabem apenas ao profissional devidamente registrado nos três seguintes órgãos:

  • Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA);
  • Vigilância Sanitária Municipal; e
  • Conselho Regional de Farmácia (CRF).

As atribuições do atendente de farmácia recaem mais sobre as atividades necessárias para o correto e adequado atendimento ao público. 

O que faz um atendente de farmácia?

Assim como os farmacêuticos, os atendentes ocupam um dos cargos mais importante desse estabelecimento. Entre as suas atribuições estão:

  • leitura e interpretação de prescrição e receitas médicas, odontológicas e veterinárias;
  • atendimento aos clientes em todo o ambiente da farmácia;
  • esclarecimento de dúvidas a respeitos de medicações, doses e horários;
  • reposição de medicamentos e produtos de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos (HPC);
  • limpeza de prateleiras e expositores;
  • verificação de datas de validade e preços de medicamentos;
  • controle de estoque no sistema;
  • abertura, controle e fechamento de caixa; e
  • preenchimento de dados no sistema para a venda de medicamentos controlados; etc.

O atendente de farmácia é responsável por quase toda a rotina diária de atendimento aos clientes e manutenção da farmácia. Por isso, encontrar profissionais com alguma formação para essa função é fundamental.

Já que o balconista é responsável por essa rotina na conveniência da sua farmácia, separamos uma lista de 7 itens que nunca podem faltar para que seus funcionários estejam atualizados. Você pode baixar essa lista neste formulário:

Como contratar um atendente de farmácia?

Após anunciar vagas para atendente/auxiliar de farmácia é importante verificar se os candidatos preenchem os requisitos e skills necessários para a função. Por isso, separamos estas dicas que podem facilitar seu processo de contratação.

Avalie a formação do atendente

Ainda que a formação exigida para a vaga de atendente de farmácia seja apenas o ensino médio completo, existem cursos livres que formam profissionais mais capacitados. 

No entanto, o mercado é bem concorrido e os cursos profissionalizantes tendem a colocar seus alunos na mira de quem está contratando.

Geralmente, esses cursos de atendente de farmácia têm menos de 100 horas de duração e podem ser feitos em poucas semanas. Eles são curtos, mas é nítida a diferença entre quem os realizou e quem tem apenas o ensino médio.

Em muitas cidades é difícil encontrar alguém com um bom currículo para atendente de farmácia. Às vezes a cidade é pequena ou não tem curso na região, mas se você estiver tendo dificuldades para encontrar um atendente especializado pode pensar na possibilidade de ofertar esse curso ao novo funcionário. 

Essa oferta de curso profissionalizante pode ser colocada como um benefício da vaga ao mesmo tempo que você soluciona um problema no processo seletivo.

Verifique se o candidato tem as skills necessárias

Para ser um bom atendente de farmácia, o candidato precisa ter algumas habilidades e conhecimentos para executar bem a sua função.

Entre as habilidades gerais estão:

  • empatia pelo próximo;
  • carisma;
  • excelente atendimento;
  • capacidade de organização;
  • facilidade em lidar com burocracias etc.

Já os conhecimentos necessários mostram como esse mercado pode ser bem exigente e competitivo. Entre eles temos:

  • disposição de medicamentos e produtos de HPC;
  • organização de estoque;
  • técnicas de vendas e serviços farmacêuticos;
  • conhecimentos de biossegurança;
  • noções sobre anatomia humana e farmacologia;
  • conhecimentos sobre medicamentos; e
  • capacidade de leitura e interpretação de bulas e receitas.

Nem sempre os candidatos preenchem todos os requisitos da vaga. Muitas vezes nos deparamos com candidatos que têm as habilidades gerais, mas não os conhecimentos ou vice-versa. 

Nesses casos, vale lembrar que os conhecimentos específicos podem ser aprendidos num curso de atendente de farmácia e, até mesmo, em cursos grátis. Mas habilidades como empatia, carisma e facilidade com burocracias são muito difíceis de serem ensinadas, quando não impossíveis, pois têm muito a ver com o perfil da pessoa.

Responsabilidades do atendente de farmácia

Se você conseguiu preencher a vaga, começa a hora de testar as responsabilidades do seu auxiliar de farmácia.

Além das skills e conhecimentos necessários, você precisa saber se o funcionário consegue lidar com as responsabilidades da rotina de uma farmácia. 

Normalmente, as farmácias têm uma rotina agitada entre atendimentos e manutenção do espaço. Então, ter um balconista que consiga realizar múltiplas tarefas pode significar um ambiente de trabalho mais ágil. 

A imagem mostra uma atendente de farmácia em atuação enquanto sorri para a foto.

Estabeleça um tempo predeterminado de contrato de experiência e verifique se o atendente teve progresso durante esse tempo. 

Podemos ressaltar novamente que os conhecimentos necessários podem ser adquiridos. Então, se o atendente ainda não domina algo essencial, verifique se ele está buscando esse conhecimento ou se não entende a sua necessidade.

A atualização constante é uma realidade necessária a qualquer profissional, se seus funcionários não buscam se atualizar, isso pode representar um problema para o seu negócio. 

Certifique-se de também oferecer possibilidades de atualização profissional para que eles consigam promover o seu negócio.

Qual a carga horária de um atendente de farmácia?

Entre 40 e 50 horas semanais, podendo atuar em horário comercial ou em regime de plantão e revezando feriados e folgas em fins de semana entre os demais funcionários.

O número de atendentes pode variar de acordo com o tamanho da estrutura física da sua farmácia e o horário de atendimento. 

Qual a média salarial de um atendente?

O salário de atendente de farmácia varia de acordo com o piso de cada estado. 

Em São Paulo, um atendente com 43h/semanais de trabalho tem como piso salarial R$1.415,44 e um teto de R$2.297,39.

No Rio de Janeiro, um atendente de farmácia tem como piso R$1.204,24 e como teto R$1.710,63.

Já no Paraná, o piso salarial de um atendente de farmácia é de R$1.214,29 e o teto de R$1.789,13.

Esses dados são facilmente obtidos no site Salario.com.br e podem ser consultados por estado e cidade. 

Vale ressaltar ainda que a variação entre piso e teto tem relação com o nível do profissional, ou seja, se ele é júnior, pleno ou sênior.

Quais diferenciais ofertar para um atendente de farmácia?

O mercado farmacêutico é competitivo para os balconistas, mas ele também é para as empresas que buscam profissionais.

Por isso, ao abrir uma vaga para atendente de farmácia, pense nos diferenciais que sua empresa oferece. Será que a sua vaga consegue ser mais atrativa de que a do concorrente?

Existem diferentes vantagens que você pode ofertar aos funcionários. Entre elas estão:

  • plano de saúde e/ou odontológico;
  • auxílio para formação profissionalizante;
  • plano de carreira;
  • descontos em medicamentos e produtos de HPC etc.

Lembre que os benefícios estipulados pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) já são encontrados em todos os estabelecimentos. Então oferte algo que te diferencie dos demais.

O plano de carreira é um ótimo benefício que pode estar associado ao tempo de trabalho, metas e conhecimentos adquiridos e faz o funcionário sair do piso salarial para alcançar o teto. Essa é uma vantagem que chama a atenção de qualquer profissional.

Já o auxílio para formação profissionalizante é um benefício que alcança tanto o atendente de farmácia quanto a própria farmácia. 

Ter um profissional qualificado representa o aumento do seu ticket médio, pois ele consegue aumentar o valor das compras auxiliando os clientes. Ele ainda pode ajudar a alcançar novos clientes, além de retê-los e fidelizá-los.

Você também pode se interessar por: 6 passos de como administrar uma farmácia

Para saber mais sobre como uma equipe para a sua farmácia, acompanhe nosso blog e nos siga no Instagram e Facebook. Através deles você fica sabendo de todas as nossas atualizações. 


Hey! Você gostou deste conteúdo? Então compartilhe com seus amigos. Isso nos ajuda a continuar produzindo conteúdos de qualidade que melhoram o dia a dia da sua farmácia!

Sobre a MyPharma

Plataforma de loja virtual para sua drogaria, farmácia, pet shop , loja de perfumaria ou de suplementação.

comercial@mypharma.net.br

Material Grátis:
FECHAR