Comunicado de reajuste de preço aos clientes de farmácias

Você sabe como fazer um comunicado de reajuste de preço aos clientes sem o medo de perdê-los?

Esse é um dos medos de gestores de farmácia que precisam lidar com métricas de abandono e satisfação ao mesmo tempo que precisam reajustar seus preços para conseguir manter a saúde do negócio.

No entanto, fazer um comunicado de aumento de preço aos clientes não é tão difícil quanto parece. 

O difícil é conseguir justificar o reajuste se ele for causado apenas pelo interesse em aumentar os lucros do estabelecimento. 

Quando falamos de farmácias e drogarias, precisamos lidar com o reajuste de preços de medicamentos que acontece anualmente no mês de março e abril. 

Por isso, hoje te explicamos como esse reajuste é calculado e te damos dicas como informá-lo aos seus clientes.

Você ainda pode baixar nossos modelos de frases de aumento de preço em farmácias e drogarias.

Preencha o formulário abaixo e receba-os no seu e-mail antes de terminar de ler este artigo!

Por que fazer um comunicado de reajuste de preço aos clientes?

Um comunicado de reajuste de preço aos clientes é importante para mostrar aos seus consumidores que o aumento não é causado pelo interesse em aumentar os lucros, mas por fatores externos que impactam diretamente o seu negócio.

Isso impacta diretamente o índice de Churn Rate e NPS do seu negócio. 

Além disso, nenhum cliente gosta de ser pego de surpresa com aumentos de preços. É consenso geral que os consumidores precisam ser avisados para não gerar qualquer mal-estar. 

Agora você deve estar se perguntando: mas…

O que é Churn Rate?

Churn rate (ou churning) é um índice que mede o abandono, desistência ou cancelamento de clientes em relação a um serviço prestado.

Em resumo, o churn rate calcula o índice de saída de clientes x índice de entrada de clientes.

Fazer essa conta é simples! Basta multiplicar o número de saídas do mês (do trimestre ou semestre, depende do período estabelecido) pelo número total da base e multiplicar esse resultado por 100.

nº de cancelamentos / nº ativo de clientes x 100 = churn rate

Quer ver um exemplo?

Se uma empresa tem uma base de 2000 clientes ativos mensalmente, mas teve 100 cancelamentos no período pré-determinado de 3 meses, seu churn rate no trimestre é de 5%.

Veja o cálculo:

100 cancelamentos / 2000 clientes na base = 0,05% x 100 = 5%

Ter um churning de 0% é quase impossível, pois sempre há clientes que cancelam serviços e buscam por outros prestadores quando encontram o menor problema.

Ao mesmo tempo, há aqueles clientes que, quando fidelizados, permanecem com uma marca mesmo vendo problemas, já que buscam apontar as melhorias que precisam ser feitas.

Uma taxa considerada normal e aceitável para um churning é de até 7%. 

Se sua taxa estiver acima disso, busque entender o que pode estar causando tantas desistências e, se estiver abaixo, continue buscando formas de melhorar seus serviços e atendimento para mantê-la baixa. 

Para manter a sua taxa de churning baixa é preciso manter o seu Net Promoter Score alto.

Não sabe o que é o Net Promoter Score? Então descubra abaixo!

O que é Net Promoter Score?

O Net Promoter Score (ou NPS) é uma métrica criada por Fred Reichheld que mede a satisfação de clientes mediante uma relação entre clientes promotores e detratores.

Para poder conhecer a satisfação dos clientes, usa-se a seguinte pergunta: 

“De 0 a 10, o quanto você indicaria a nossa empresa aos amigos?”

Frente às notas dadas pelos clientes é possível estimar quantos clientes promotores, neutros e detratores o seu negócio tem.

net promoter score
Fonte: Resultados Digitais

Vejamos como funciona a metodologia NPS:

  • Clientes que dão notas entre 0 e 6 são considerados detratores, ou seja, são pessoas insatisfeitas com a sua empresa e que, possivelmente, falariam mal dela aos amigos ou deixariam de comprar seus produtos, entrando, então, para o churn rate.
  • Notas 7 e 8 mostram clientes considerados neutros (ou passivos). Esses clientes não estão insatisfeitos com a sua marca, mas tampouco são leais. 
  • Já as 9 e 10 representam clientes promotores, aqueles que adoram a sua marca e vão colaborar com a propaganda boca a boca se necessário.

Sabendo isso, e tendo respostas à sua pergunta é possível calcular o NPS do seu negócio. 

E essa conta também é simples! Basta diminuir a porcentagens de clientes promotores pela porcentagem de clientes delatores.

% de promotores (satisfeitos) - % de delatores (insatisfeitos) = NPS

Quer ver um exemplo?

100 clientes da Farmácia da Esquina preencheram a pesquisa e têm-se os seguintes resultados:

- 85 clientes deram notas entre 9 e 10
- 5 deram notas entre 7 e 8
- e 10 deram notas entre 0 e 6

Calculando as porcentagens dos números de clientes sobre o total de 100, temos:

- 85% são clientes promotores
- 5% são neutros
- e 10 % são delatores

Veja o cálculo:

85% - 10% = 75% 

Ou seja, o NPS da Farmácia da Esquina é 75. 

Mas será que esse valor de NPS é bom?

Valores de NPS

A metodologia NPS segue os seguintes valores:

  • NPS Excelente – entre 75 e 100
  • Muito bom – entre 50 e 74
  • Razoável – entre 0 e 49
  • Ruim – entre -100 e -1

Vale lembrar ainda que junto à pergunta “De 0 a 10, o quanto você indicaria a nossa empresa aos amigos?” você pode colocar uma caixa de sugestões, para que clientes detratores e neutros possam indicar os pontos que sua marca precisa ter mais atenção. 

 

É para manter essas métricas sob controle que você precisa comunicar o reajuste de preços aos seus clientes. 

Mas apenas comunicar não é suficiente!

É preciso saber como fazê-lo para que o seu NPS não caia e o seu churn rate não aumente. 

Quer saber como fazer isso? 

Dicas de como comunicar aumento de preço aos clientes

Confira abaixo nossas 4 dicas de como comunicar aos seus clientes que os preços dos seus produtos/serviços serão reajustados.

1. Avise com antecedência

Ninguém gosta de ser surpreendido com reajustes que aumentam os preços de produtos ou serviços de uso regular.

Por isso, é necessário avisar seus consumidores que ocorrerá uma alteração nos preços com a maior antecedência possível.

Isso significa dar-lhes tempo para aceitar e se preparar para o reajuste. 

Além disso, também aumenta a retenção e fidelização de clientes, pois eles veem a preocupação da sua marca em tê-los como clientes.

2. Respeite a realidade de mercado

Aumentar os preços apenas para ter uma taxa de lucro maior é um erro que todo empreendedor deve evitar cometer.

Os clientes percebem quando um aumento de preço e injustificável. Até porque, geralmente, marcas que fazem isso não costumam apresentar qualquer justificativa.

Reajuste seus preços quando houver aumento nos valores de insumos, logística, fabricação, serviços etc.

Ou seja, só reajuste seus preços se for necessário repassar aos consumidores o aumento imposto à fabricação do seu produto ou realização do seu serviço. 

3. Reforce a qualidade do seu produto/serviço

Independentemente do motivo que cause o reajuste de preços aos clientes, é importante ressaltar que sua marca continua melhorando a qualidade do produto ou serviço prestado.

Quando você não tem controle sobre o aumento (como no caso do reajuste anual sobre preços de medicamentos), vale a pena ressaltar que sua farmácia ou drogaria busca atendê-los da melhor forma para que isso seja compensado.

4. Informe o motivo do aumento de preços no comunicado de reajuste de preço aos clientes

Assim como você quer destacar produtos com descontos usando placas na sua farmácia, é importante mostrar os aumentos. 

Mas, neste caso, o motivo dos aumentos. 

Falando de farmácias e drogarias, geralmente, os aumentos são causados pelo reajuste anual nos preços de medicamentos que acontece em março e abril.

Se esse for o motivo, fica fácil justificá-lo aos seus consumidores. 

Se for outro motivo, justifique-o de forma mais sucinta e clara possível. 

Quer saber como justificar o reajuste anual de preços dos medicamentos?

Então, primeiro, vamos entender o que é e como é calculado esse reajuste.

O que é o reajuste anual de preços de medicamentos?

O reajuste é um teto de cobrança, permitido pelo Governo, que eleva os preços cobrados pelas distribuidoras e são repassados às farmácias, drogarias e aos consumidores finais.

Como funciona o aumento anual nos preços dos medicamentos?

No dia 31 de março, de todos os anos, o Governo autoriza o reajuste dos preços de medicamentos. O aumento passa a valer já no dia seguinte.

No entanto, o reajuste não é simples e precisa seguir alguns fatores. 

Quem calcula e defini o percentual de reajuste dos medicamentos é a Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) e ela segue o seguinte cálculo:

VPP = IPCA + Fator X + Fator Y + Fator Z

Entenda abaixo o que significam essas siglas:

VPP: Variação Percentual do Preço do Medicamento

IPCA: Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo; inflação oficial do país calculada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Fator X: mecanismo utilizado para repassar aos consumidores as progressões de ganhos de produtividade das indústrias farmacêuticas. Considera séries temporais das indústria em seu cálculo.

Fator Y: ajusta os preços relativos entre o setor farma e os demais setores da economia buscando minimizar o impacto dos custos não recuperados pela aplicação do IPCA. Considera a variação dos custos dos insumos em seu cálculo.

Fator Z: promove a concorrência entre os mercados de medicamentos através do ajuste de preços entre mercados mais e menos competitivos. Utiliza uma metodologia de cálculo do nível de concentração de mercado e um índice com base em informações de comercialização informadas pelas empresas.

Vale a pena ressaltar que o resultado do VPP não configura um aumento automático dos preços, já que é uma permissão de teto para o reajuste concedido pelo Governo. 

Assim, cada indústria pode optar por utilizar o teto para seu reajuste ou utilizar um índice menor se tiver alguma estratégia comercial.

Como fazer um comunicado de reajuste de preço aos clientes?

Agora você já sabe porque é importante fazer um comunicado de reajuste de preço aos clientes e como funciona o reajuste anual.

Então, que tal conferir algumas frases de aumento de preço para usar no seu estabelecimento?

Senhores clientes, a partir do dia __ de _________ o preço dos medicamentos será reajustado conforme determinação do Governo pela Tabela CMED. 

Contamos com a sua compreensão.

AVISO

Conforme determinação do Governo (CMED) o preço dos medicamentos será reajustado a partir de __ de _________.

Agradecemos a compreensão.

A Farmácia/Drogaria [nome do estabelecimento] comunica aos amigos e clientes que, a partir de __ de _________, o preço dos medicamentos será reajustado conforme determinação do Governo.

Agradecemos a compreensão.

Comunicado: A partir do dia __ de _________, os preços dos medicamentos serão reajustados conforme lista repassada pelo Governo (CMED).

Contamos com a sua compreensão!

Conforme determinação do Governo através da Tabela CMED, a Farmácia/Drogaria [nome do estabelecimento] comunica o reajuste anual dos preços de medicamentos que será aplicado a partir de __ de _________.

Agradecemos a compreensão.

Você também pode optar por fazer um comunicado de aumento de preço para clientes que reforce melhor o motivo do reajuste.

Senhores clientes, comunicamos que por determinação do Governo, através da Tabela CMED, os preços dos medicamentos serão reajustados a partir de __ de _________.

Pedimos sua compreensão, já que esse reajuste é determinado pelo Governo e acontece em todo mês de março.

Em resposta a isso, continuamos aprimorando nosso atendimento e nossa oferta de produtos para trazer opções diversificadas aos clientes amigos.

Quando acontece o reajuste anual de preços de medicamentos?

Talvez você tenha percebido que deixamos os campos de dia e mês sem preencher e isso pode parecer estranho já que, normalmente, o reajuste acontece em 31 de março e é aplicado aos clientes a partir de 1º de abril. 

No entanto, em 2020, o reajuste foi adiado pelo Governo por 2 meses por conta da pandemia. 

Já em 2021, o reajuste definido pela CMED em 3,29% aconteceu normalmente.

Assim, você pode editar os modelos de frases de aumento de preço de medicamentos conforme o cenário atual.

Comunicado de reajuste de preço aos clientes em PDF

Quer baixar modelos de placas de comunicado de aumento de preço em PDF?

Então clique na imagem abaixo para receber as placas prontas no seu e-mail após preencher o nosso formulário!

download de modelos de comunicado de reajuste de preço para clientes

Conclusão sobre comunicado de reajuste de preço aos clientes

Como vimos, precisamos entender que comunicar o reajuste de preços aos clientes da sua farmácia ou drogaria é importante para ajudar a manter suas métricas de churn rate e NPS saudáveis.

Sem esse comunicado, muitos clientes podem acabar buscando a concorrência por acreditar que seu negócio só está tentando obter mais lucro.

No entanto, se o aumento de preços da sua farmácia estiver ligado ao reajuste anual estabelecido pela Tabela CMED, é fácil informá-lo aos clientes sem causar grandes desconfortos.

Aproveite para baixar nossos modelos de frases de reajuste de preços preenchendo nosso formulário no início deste artigo.

E se você quiser saber mais sobre placas de farmácia e como elas podem te ajudar a vender mais, clique no botão abaixo:

Confira também a Tabela CMED Atualizada em 2021


Hey! Você gostou deste conteúdo? Então compartilhe com seus amigos. Isso nos ajuda a continuar produzindo conteúdos de qualidade que melhoram o dia a dia da sua farmácia!

Sua farmácia continuará perdendo clientes
por não ter presença online?

Assista agora uma demonstração sem compromisso.
ASSISTIR DEMONSTRAÇÃO
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram